Browse By

Crédito imobiliário promete crescer acima da média em 2014, segundo especialistas

credito_post

2014 promete ser um ótimo no setor imobiliário. Com a previsão do crescimento do crédito, as perspectivas do setor são as melhores possíveis, confira na reportagem abaixo do site InfoMoney:

Taxas de juros consideradas mais atrativas comparadas a outras carteiras, baixo índice de desemprego e grande apetite por parte dos bancos refletiram no aumento nos números do crédito imobiliário no Brasil em 2013. Segundo dados do Banco Central, a carteira de crédito para o segmento cresceu de R$ 248,214 bilhões em novembro de 2012 para R$ 333,859 bilhões em novembro deste ano, um acréscimo de 34,2% no período. De janeiro a novembro de 2014, o
crescimento somou 30,7%, Para o mês de novembro, a alta foi de 2,3% em relação a outubro.
Ainda de acordo com dados sobre o segmento, os financiamentos imobiliários alcançaram no ano, até novembro, o montante de R$ 98,8 bilhões, estabelecendo um novo recorde histórico para um ano desde a criação do Plano Real, de acordo com a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança). Na comparação com o mesmo período de 2012, o valor representa um aumento de 34%. Entre janeiro e fevereiro do ano passado, o volume financiado somou R$ 73,9 bilhões.
Para especialistas do setor, 2013 foi um período de recuperação do mercado, pois 2012 registrou queda no crédito imobiliário e nos investimentos em novos empreendimentos. Além dos juros considerados atrativos, o baixo índice de inadimplência e o aumento do limite do uso do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) para financiamentos foram fatores favoráveis para o crescimento do crédito para esta categoria no ano, na opinião do economista Luis Rabi, do Serasa Experian. Esses fatores reunidos, para ele, devem permitir que o segmento continue a crescer acima da média das demais carteiras em 2014.
O economista e professor da FGV-RJ (Fundação Getúlio Vargas), Sérgio Bessa, considera o grande déficit habitacional existente no País mais um fator importante para garantir que o segmento não perca o fôlego para o ano 2014. “Ao mesmo tempo, o governo continua incentivando o crédito, principalmente através do bancos públicos, como uma forma de manter um crescimento no País”, avalia Bessa.
O presidente da Abecip, Octávio de Lazari Junior, também afirmou recentemente que espera um crescimento de 15% a 20% nos financiamentos em 2014. Em sua opinião, a expansão do crédito será sustentada pelo apetite dos bancos pela carteira imobiliária, associada à recuperação das empresas de construção e boas  condições de emprego e renda da população.
Fonte: http://www.infomoney.com.br/minhas-financas/credito/noticia/3123339/credito-imobiliario-sinaliza-manter-folego-crescer-acima-media-2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>